E as Parcelas?

A parcela mensal é composta pelos valores correspondentes ao Fundo Comum, Fundo de Reserva, Taxa de Administração e Seguro Prestamista, a saber:

Fundo Comum: é o valor que todo consorciado paga para formar um fundo destinado à aquisição do Bem Objeto do plano. O percentual de contribuição para o Fundo Comum é obtido mediante a divisão do percentual total de amortização (100% = percentual equivalente ao valor do Bem Objeto) pelo prazo de duração (nº de meses de duração do grupo).

Taxa de Administração: é a remuneração da Administradora pela formação, organização e administração do grupo de consórcio até o seu encerramento. A taxa corresponde ao percentual total calculado sobre valor do Bem Objeto do plano indicado pelo consorciado, a ser amortizado nas parcelas mensais.

O percentual mensal de amortização da taxa de administração é obtido mediante a divisão do percentual total da taxa de administração (estabelecido na Proposta de Adesão) pelo prazo de duração do grupo (número de meses).

Exemplo:
Taxa de administração: 10%
Prazo: 60 meses
Cálculo: 10% / 60 = 0,1667% ao mês ou 2% ao ano.

Fundo de Reserva: trata-se de um fundo para garantir o funcionamento do grupo em determinadas situações previstas no Regulamento Geral. O percentual de contribuição para o Fundo de Reserva é obtido mediante a divisão do seu percentual total (estabelecido na Proposta de Adesão) pelo prazo de duração do grupo (número de meses). Caso haja sobras nesse fundo, quando do encerramento do grupo, as mesmas serão devolvidas proporcionalmente aos consorciados, excetos aos desistentes e/ou excluídos.

Seguro de Vida Prestamista: é um benefício que permite a quitação do valor total do saldo devedor no caso da ocorrência de falecimento do consorciado, não deixando qualquer ônus para sua família.