Sicredi financia construção de mais 100 aviários no PR

Cooperativa vai repassar R$ 40 milhões a produtores integrados ao abatedouro Jaguafrangos, de Jaguapitã

A avicultura vai ganhar novo impulso na microrregião de Jaguapitã, no Norte do Estado. A cooperativa de crédito Sicredi União PR vai financiar a construção ou modernização de 100 aviários para abastecer o abatedouro Jaguafrangos, que tem parceria com produtores integrados de 23 municípios daquela região. Famílias interessadas em entrar na atividade e produtores já integrados que queiram ampliar a produção passam a contar com linha de financiamento da Sicredi, que vai operacionalizar recursos do Banco Regional de Desenvolvimento (BRDE). Serão liberados R$ 40 milhões, em duas etapas.

Estes são, em resumo, os termos do convênio firmado na noite desta quinta-feira, 11 de julho, em Jaguapitã, entre a Jaguafrangos, a Sicredi União PR e o BRDE. A meta da empresa, já no primeiro trimestre de 2014, é aumentar a capacidade de produção de abate das atuais 180 mil para 200 mil aves/dia.  “Para a região de Jaguapitã, é importante um investimento como esse, que gera empregos na construção civil, aumenta a venda de equipamentos, aquece a comercialização de insumos como soja e milho e aumenta a renda dos produtores”, avalia Celso Doliveira, do Departamento Técnico-Econômico da Faep.

O Paraná é o maior produtor de carne de frango. O Estado responde por 28% da produção nacional, de 13,25 milhões de toneladas/ano. “A avicultura, além de manter o homem no campo, tem no agronegócio a maior geração de riqueza por metro quadrado de solo ocupado”, afirma o diretor-presidente da Jaguá, Sidnei Bottazzari.