Sicredi União apoia Natal Solidário promovido pela Sociedade Rural de Maringá

Evento ofereceu lazer e brincadeiras a estudantes dos Centros Municipais de Educação

 

Em sua 12ª edição, o Natal Solidário da Sociedade Rural de Maringá reuniu cerca de 200 crianças dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) Etelvina Matos Silva, Afonso V. Cezar e Dona Guilhermina. Todos localizados no entorno do Parque Internacional de Exposições Francisco Feio Ribeiro.

Promovido pela Sociedade Rural de Maringá (SRM), o evento contou com a parceria de diversas empresas da região, entre elas a Sicredi União PR/SP. Para o gerente de agência da cooperativa, Elder de Oliveira, representar um momento tão especial às crianças é um dos motivos que faz a Sicredi acreditar no desenvolvimento do ser humano. “Sempre nos preocupamos em apoiar ações que visam retribuir a comunidade o que ela nos oferece”, afirmou Oliveira.

Para a presidente da Sociedade Rural de Maringá, Maria Iraclézia de Araújo, o evento teve como principal motivo manter uma ação voluntária que propiciasse alegria e satisfação às crianças neste Natal. “O ser humano se torna melhor quando ele divide aquilo que tem, seja o tempo, um brinquedo ou a disponibilidade”, declarou.

 

Crianças receberam lanches, diversas brincadeiras e curtiram a chegada do Papai Noel

Crianças receberam lanches, diversas brincadeiras e curtiram a chegada do Papai Noel

Parceiros

Prestigiando mais uma edição do Natal Solidário, a secretária de educação de Maringá, Solange Lopes, afirmou que o evento foi fundamental para desenvolver a interação entre as crianças, onde elas puderam conviver em harmonia, respeitando o próximo. “Natal é tempo de reflexão e de fazer com que pensemos sobre o que oferecemos as nossas crianças que, afinal, são o futuro do Brasil”, descreveu Solange.

No evento, as crianças ganharam presentes, puderam conversar com o Papai Noel e aproveitaram as ações desenvolvidas pela equipe de recreação da Secretaria de Esportes e Lazer (SESP), que foi parceira do evento, juntamente com a Secretaria de Educação (Seduc). O secretário de Esportes e Lazer, Francisco Favoto também esteve presente.

A supervisora do CMEI Etelvina Matos Silva, Roseliane Lanrecht Negro, acompanhou as crianças e se mostrou satisfeita com o reflexo que a ação gerou. “Além de criar a interação, é importante para oferecer um momento único e de muita alegria para todos”, finalizou.