Sicredi União PR/SP apoia Dia de Campo da Unicesumar

No último final de semana, Maringá (PR) recebeu, pela 13ª vez, o Dia de Campo de Agrárias da Unicesumar. O evento, organizado pela instituição de ensino, reúne estudantes e produtores rurais, especialmente pequenos e médios, na Fazenda Unicesumar – Biotec. Em meio a palestras sobre as previsões do mercado da soja e milho, crédito rural, integração lavoura-pecuária-floresta, além de um concurso de viola, o Dia de Campo ofereceu dezenas de estandes com apresentações de experimentos sobre as culturas de inverno, maquinários, pista de testes para tratores, amassadores de solos e outros.

Palestra – Com o apoio da cooperativa, e de outras instituições, os participantes puderam contar com a palestra de Rogerio Machado, diretor executivo da Sicredi União PR/SP, que desenvolveu uma apresentação acerca do crédito rural (Plano Safra), além dos desafios para o crescimento sustentável do agronegócio. Durante a palestra, Machado salientou a necessidade de inovações na agricultura brasileira. “O PIB do agronegócio corresponde a 21% do PIB brasileiro (apenas de produção). Precisamos nos atentar quais serão os próximos passos desse nicho, para qual vertente o agronegócio precisa caminhar para evoluir”, afirma. O diretor ainda ressalta as preocupações com os impactos diretos dos projetos voltados à agricultura. “Nosso desafio é garantir o financiamento para os próximos anos, mas queremos estar de acordo com projetos sustentáveis, que proporcionem sustentação a economia do Brasil, mas que respeitem o meio ambiente e o progresso do País”, afirma.

Biotec – É o 3º ano que a cooperativa participa do Dia de Campo de Agrárias. Para Wilson de Matos Silva, reitor da Unicesumar, a participação da cooperativa ajuda a promover a educação prática dos alunos. “É uma forma dos alunos aprenderem a organizar eventos de agronegócio e gerarem ótimas parcerias. Eles precisam colocar a mão na massa para aprender, para administrar tem que aprender a fazer”, reitera o reitor. O objetivo do evento é difundir conhecimentos em busca de melhorias na produtividade e renda no campo. Uma realização dos cursos de Agronomia, Agronegócio, Engenharia Ambiental, Gestão Ambiental, Medicina Veterinária, Arquitetura e Urbanismo e mestrado em Tecnologias Limpas.